Início » Biblioteconomia e Ciência da Informação no Facebook

Biblioteconomia e Ciência da Informação no Facebook

por Priscila Sena
720 visualizações

Trabalhos notados e recomendados em enquetes da FEBAB

O post de hoje é especial para quem curte o Facebook, mantém para não perder conexões e está pensando em divulgar seu trabalho por lá. Listamos para vocês pessoas, instituições e iniciativas da Biblioteconomia e Ciência da Informação, notadas pelo trabalho que realizam por meio do Facebook.

Com enquete compartilhada no perfil da FEBAB, recebemos 20 indicações nos stories do Instagram, e 20 no Twitter, totalizando em 40 recomendações.

Identificaram-se 35 trabalhos bacanas, pois alguns receberam mais de uma recomendação.
Agência USP de Gestão da InformaçãoAssociação Catarinense de Bibliotecários
Biblio Fora da CaixaBiblio Mkt
BibliooBiblioteca Central do Centro de Ciências da Saúde da UFRJ
Biblioteca Central PUCRSBiblioteca do CFCH
Biblioteca do Instituto de Microbiologia Paulo de Góes – UFRJBiblioteca do IPPUR/UFRJ
Biblioteca do NCEBiblioteca do PPGG – UFRJ
Biblioteca Francisca Keller – PPGASBiblioteca IF/UFRJ
Bibliotecária em ConstruçãoCACIB – Centro Acadêmico de BCI
Carlos Alberto Ávila AraújoCarlos Wellington Martins
Claudia Souza Bibliotecária – ArquivistaDica de Bibliotecária
Dr. RisadinhaeCÓDICE 
FEBABFESPSP
José Maria JardimMural Interativo do Bibliotecário
Oswaldo F. Almeida JuniorQuilombo Intelectual
Revista ACBSanta Biblioteconomia
Sibi UFRJSindib Rio de Janeiro
Somente BiblioValéria Valls
Web Conferência de Ciência da Informação e Biblioteconomia 

Diversidade nos conteúdos divulgados é uma característica marcante

Por essa lista fica nítida mais uma vez a diversidade de conteúdos compartilhados nas áreas. Característica que constou nos resultados das semanas anteriores referentes a Podcasts, Twitter e Instagram.

Verificam-se trabalhos notórios de pesquisadores/a e professores/a, bibliotecas, sistemas de bibliotecas, iniciativas colaborativas de disseminação e divulgação científica, centro acadêmico, revista científica, empreendimentos, formação, capacitação, associações, sindicato, instituição de ensino e agência de gestão da informação. E ainda, voltados para o compartilhamento de informações científicas sobre população negra, LGBTQI+, indígenas e direitos humanos (Quilombo Intelectual), e com informações em saúde para crianças, adolescentes, famílias e profissionais de saúde (Dr. Risadinha).

Que trabalhos incríveis e inspiradores da Biblioteconomia e Ciência da Informação no Facebook, não é verdade?!

Importe destacar que, as pessoas, instituições e iniciativas da Biblioteconomia e Ciência da Informação listadas são somente as que constaram como respostas às enquetes. Então pode ser que vocês não encontrem algum trabalho que deveria estar aqui. Caso isso ocorra, vocês podem recomendá-lo nos comentários desta postagem, tornando-a sempre atualizada e pertinente para nossa comunidade.

Pessoas que têm participado das enquetes e ações da FEBAB, agradecemos e reforçamos que continuem somando conosco. Vocês são demais!!!

Na próxima semana traremos as recomendações de canais no YouTube. Aguardem, e se não fizeram suas indicações, vai lá no Twitter da FEBAB que ainda dá tempo de recomendar os canais e os blogs.

Lembrem-se de seguir a Federação nas mídias sociais e de navegarem no catálogo de cursos da Escola FEBAB pensados especialmente para vocês.

E se tiverem alguma sugestão de melhoria, por favor, envie-nos, pois a FEBAB somos nós, eu, vocês e toda a classe bibliotecária, em prol do nosso fortalecimento e de nossas bibliotecas por um mundo melhor.

Textos Relacionados

2 comentários

Biblioteconomia e Ciência da Informação no YouTube - FEBAB - Bibliotecas por um mundo melhor! 28 de maio, 2021 - 15:36

[…] de Autoridade em português FEBAB participa de painel internacional que delineia iniciativas… Biblioteconomia e Ciência da Informação no Facebook Podcasts da Biblioteconomia e Ciência da Informação II BiblioFest: eventos literários, […]

Resposta

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.